Aprendizagem em casa: dicas para não desistir de tentar

Com essas pequenas recomendações, seu filho pode aprender muito em casa e melhorar seu desempenho escolar.

Emma E. Sánchez

A crise epidemiológica de 2020 nos fez voltar para casa e, no caso da educação dos filhos, obrigou-nos, como pais, a nos envolvermos de uma forma que não acontecia há várias gerações.

Ao se envolverem no aprendizado dos filhos, muitos pais descobriram várias coisas, entre elas, que eles são inquietos, que muitas vezes precisam da atenção personalizada do professor, que sentem muita falta dos amigos e que, com eles, acontecem muitos dos aprendizados mais importantes, e que os sentimentos são fundamentais para que o aprendizado aconteça e seja consolidado.

As crianças aprendem melhor com aqueles que amam

Dentre as coisas mais fantásticas que os pais se lembraram, ou os menores aprenderam, está o fato de que, com um pouco de esforço, nossos filhos podem aprender e fortalecer seu aprendizado acadêmico em casa, obtendo com isso um aproveitamento maior em sala de aula.

Se você é mãe de crianças que estão no ensino fundamental, tenho certeza de que essas ideias lhe serão de grande utilidade para continuar apoiando a educação de seus filhos, independentemente de irem à escola, estudarem em casa ou em algum sistema híbrido de educação à distância e semipresencial.

Um espaço para aprender

É definitivamente necessário ter um espaço dedicado mais a criar do que estudar. Esqueça um pouco a ideia de uma mesa longe de todos e onde não haja barulho. Hoje em dia, devemos pensar em uma mesa multiuso. Embora seja bom ter um computador para realizar tarefas e pesquisas, é muito mais atraente para as crianças uma mesa com materiais para praticar, testar e experimentar.

Advertisement

Não é necessário que seja privado. Foi comprovado que cozinha é um lugar perfeito para crianças menores de 12 anos, pois a mamãe as observa e ajuda, e há utensílios e suprimentos por perto para praticar e aprender juntos.

Importante: desligue a TV e afaste-a o máximo possível da mesa de estudos

Você pode colocar uma planta, réguas, lápis, cores, tesouras e materiais reutilizados e para construção. Procure criar um ambiente mais do que para aprender, para fazer, experimentar, criar, fazer tarefas, desfrutar e, então, o aprendizado acontecerá.

Horários e rotinas

O ser humano é um ser de hábitos. E se eles forem bons, sem dúvida alguma levarão ao sucesso.

Se os filhos estão em casa, é necessário um cronograma de atividades que inclua tempo livre e lazer.

Segundo o horário de trabalho dos adultos, pode-se organizar os horários estudo à mesa juntos, de forma que cada um consiga fazer o seu próprio trabalho, mas colaborando com os menores.

Advertisement

Se seu filho precisar de ajuda para fazer as tarefas, quem estará com ele?

Se tiver filhos adolescentes, eles certamente irão querer estudar mais tarde ou com certa privacidade, sem ficarem isolados ou separados.

Cada família deve organizar suas atividades e definir o que podem fazer juntos e o que definitivamente requer privacidade

Uma agenda ou cronograma de atividades em tamanho grande, visível para todos, pode ser de grande ajuda. Recomendo que você anote nele os temas dos projetos das crianças, ou o conteúdo a ser aprendido daquela semana ou mês. Você verá que todos poderão se envolver e contribuir.

As distrações que devem ser evitadas

Assim como há um lugar para dormir, um para se assear e outro para comer; deve haver um para trabalhar e outro para se divertir.

É divertido de vez em quando, por exemplo, comer enquanto assiste TV na cama, mas nunca é uma boa ideia comer onde a gente faz a higiene pessoal, não é mesmo?

Advertisement

O local de trabalho ou estudo não é um bom lugar para se ter videogames, nem mesmo animais de estimação. Eles podem perambular pela casa, mas se isso se tornar uma distração no trabalho ou no estudo, devem ser retirados.

Telefones celulares ou tablets são bem-vindos na mesa de trabalho, desde que não sejam usados ​​para checar as redes sociais, pois aí se tornam uma forte distração.

Planejadores e calendários

Crianças e adolescentes devem se exercitar e praticar constantemente a pontualidade e a responsabilidade até que se torne um hábito totalmente adquirido.

Na parede pode haver um calendário de bom tamanho onde você pode anotar as datas de entrega dos trabalhos, isso o ajudará a administrar seu tempo, recursos e cumprir o que for necessário dentro do prazo.

Algo que os professores raramente ensinam, e que os pais podem fazer excepcionalmente, é organizar o trabalho em pequenas tarefas até conseguirem atingir o grande objetivo. Nesse calendário, eles podem anotar essas pequenas tarefas, uma cor para cada criança ou matéria.

Advertisement

Isso funciona muito bem, você vai ver!

Vida saudável

Outra grande tarefa que não se aprende tão bem na escola é a de como se pode adquirir hábitos saudáveis ​​em casa.

Tudo que se refere à alimentação e exercícios físicos é fundamental hoje em dia, pois é o que faz diminuir a ansiedade, o stress e melhora saúde mental de maneira geral. A boa atitude em relação à atividade física é consolidada em casa.

A tecnologia e seu filho

A contingência de 2020 forçou milhares de professores a se mexer e levar seus filhos para a educação online. Mais uma vez, descobrimos que a educação on-line não é uma maneira saudável, normal ou humana de ensinar uma criança, especialmente as menores de 10 anos e as que estão na pré-escola.

Crianças nessas faixas etárias precisam trabalhar junto com os colegas e professores, precisam de contato humano, precisam tocar, manipular, brincar, correr e experimentar em sociedade o mundo em que vivem.

Advertisement

Por isso, é muito importante que você não caia na armadilha de colocar uma criança na frente de um monitor por horas. Não é saudável.

O uso de dispositivos eletrônicos deve ser limitado. Como e por quanto tempo? Essa decisão é sua.

Observe seu filho e ele lhe dará as respostas de que você precisa. É questão de encontrar um meio-termo entre o tempo que ele passa online conectado a uma aula ou jogo e o tempo que passa lendo, brincando ao ar livre ou com a família.

Mantenha a comunicação com o professor

Principalmente se seu filho tiver dificuldade para aprender. Converse com ele e, juntos, encontrem a melhor maneira de seu filho superá-la e alcançar seus objetivos. Se você é o responsável pela educação dele, não hesite em contatar um especialista ou pedagogo para ajudá-la com qualquer assunto ou barreira que esteja sendo um desafio para seu filho.

Nós, professores e pais, aprendemos muito e entendemos que precisamos agir em conjunto, de mãos dadas, pelo bem e para o bem de nossos filhos.

Advertisement

Essa lição jamais deverá ser esquecida.

Traduzido e adaptado por Erika Strassburger, do original Aprendizaje en casa: consejos para no sucumbir en el intento

Toma un momento para compartir ...

Emma E. Sánchez

Casada y madre de tres hijas. Interesada en el fortalecimiento y formación de la mujer, la familia y el hogar.