Corrente de pontos fortes e outras boas ideias para aumentar a autoestima de seus filhos

Acompanhar seu filho para que faça as coisas sozinho é uma das melhores maneiras de fortalecê-lo. Essas atividades simples o ajudarão a fazer exatamente isso.

Emma E. Sánchez

Desenvolver uma autoestima saudável, segurança pessoal e identificar as aptidões e habilidades pessoais a fim de desenvolvê-las são presentes inestimáveis ​​que uma mãe pode dar a seu filho, especialmente durante os primeiros anos de vida, para que se torne uma pessoa mental e emocionalmente forte.

A autoestima e as aptidões pessoais têm algo em comum: devem ser exercidas com frequência para serem desenvolvidas, aprimoradas e fortalecidas. Não é algo que se conquista uma vez e fica conosco para sempre. Por isso devemos mantê-los vivos e ativos, porque podemos até mesmo perdê-los se não o fizermos.

Quando nossos filhos são pequenos, temos a grande oportunidade de fazer pequenas ações todos os dias para abonar cada uma dessas áreas, para que seu desenvolvimento seja harmonioso e integral.

A seguir, proponho algumas atividades para trabalhar frequentemente com seus filhos. Elas podem ser realizadas até que se crie um hábito que os acompanhe por toda a vida e torne-os mais fortes para quanto tiverem que enfrentar as dificuldades ou quando você não estiver ao lado deles para incentivá-los.

Lembre-se de que essas atividades devem ser realizadas em um ambiente alegre e divertido e nunca faça algo que a criança ou você não goste. É claro que também pode incluir toda a família.

Advertisement

Primeira atividade: Corrente dos pontos fortes

Você precisará de papel, tesoura, cola e alguns lápis de cor ou marcadores. Antes da atividade, você deve fazer uma lista de qualidades e virtudes em áreas como:

Pontos fortes no caráter

Por exemplo: sou gentil, sou carinhoso, ajudo na casa, sou leal, sigo trabalhando e tentando coisas difíceis. Pense em ações que podem promover ou desenvolver a inteligência emocional de seus filhos.

Pontos fortes no social

Posso compartilhar, esperar minha vez, sou bom em ouvir os outros, esforço-me para fazer amigos e mantê-los, aceito as diferenças. Posso pedir ajuda quando preciso, não bato nos outros, mantenho minha palavra, não discuto nem brigo, digo a verdade e posso me desculpar quando cometo um equívoco ou erro.

Pontos fortes na linguagem

Uso palavras gentis, posso falar o que me incomoda sem ofender, gosto de conversar com as pessoas, participo de conversas na escola e em casa, sei contar histórias engraçadas do começo ao fim, sei contar uma piada, gosto de escutar histórias, posso mudar minha voz quando faço perguntas ou quando faço a voz de um personagem, gosto de cantar, sei falar baixinho ou bem alto.

Pontos fortes acadêmicos

Nessa parte, dependendo da idade dos seus filhos, você pode escrever afirmações como: sei ler e escrever meu nome, sei quase todas as letras, posso escrever todos os números, sei contar, sei somar, ou posso fazer um cálculo mental muito rápido, gosto de jogos de estratégia, já sei jogar dominó, xadrez, Jenga etc., posso montar um quebra-cabeça de 20 peças.

Advertisement

Talentos e virtudes

Tudo o que lhe vier à cabeça que seus filhos saibam fazer ou possam desenvolver. Exemplo: Gosto de desenhar, sou criativo, invento coisas, sei dançar, andar de bicicleta, tocar um instrumento ou tocar uma música no violino, sou muito bom em natação etc.

Quando tiver escrito todas as declarações, corte-as em tiras de papel grandes o suficiente para serem lidas com clareza e para que se possa fazer elos com elas, que serão unidos para formar uma corrente. Escreva duas vezes ou tenha papel extra para o caso de dois filhos terem a mesma qualidade ou ponto forte. Evite a todo custo que os irmãos briguem por uma tira.

Para brincar, se seus filhos são muito ativos, você pode colocar as tiras de papel em diferentes pontos da casa e eles vão procurando e trazendo para a mesa; ou, se quiser fazer na mesa, você lê cada tira e as crianças apontam para quem tiver esse talento, ou quem o tiver dirá que é seu. As crianças reúnem quantas tiras quiserem, podendo escrever suas próprias tiras, se algum ponto forte tiver sido deixado de fora.

Em seguida, eles vão fazendo sua corrente com as tiras, e você pedirá a cada um que leia a sua corrente e dê um exemplo de cada declaração mencionando que eles a possuem.

É preciso comemorar esses bons momentos

Para finalizar, eles podem pendurar suas correntes, e a cada semana que tiverem uma nova conquista, adicionar um elo à corrente.

Advertisement

Quando estiverem tristes ou frustrados por não conseguirem realizar algo, você pode repassar com eles a sua corrente de conquistas. Isso os ajudará a lembrar que, com paciência, eles podem ir melhorando gradualmente.

Vamos melhorar juntos!

Esta é outra atividade em que, uma vez por semana, a família pode sentar para conversar e, juntos, escolherem algo em que podem melhorar ou progredir juntos.

Essa atividade varia de coisas bem simples, como “todos nós vamos recolher nosso prato quando acabamos de comer e levá-lo para a pia, até “nas próximas duas semanas, todos vamos nos esforçar para sair para correr ou caminhar“. Passado o tempo, revemos a meta e comemoramos o resultado juntos.

Essa atividade só estará cumprida quando todos fizerem a sua parte. O mais importante é se ajudarem gentilmente ao longo da semana, para que todos atinjam a meta e comemorem.

Ninguém ganha se não vencermos juntos

Escreva a meta e coloque-a em um local visível para todos, e a cada semana, eles podem revisar seu progresso.

Advertisement

Vale ressaltar que essa atividade é apenas um pretexto para ensinar seus filhos a se comprometerem com algo, pedir e oferecer ajuda durante o processo, ser paciente, persistente, trabalhar em equipe e sentir alegria em realizar algo importante.

Deixe seu filho escolher a meta com base em suas necessidades, depois apenas lhe dê o apoio necessário e prudente para que ele possa alcançá-la.

Nunca resolva as coisas por ele, pois isso será contraproducente

Lembre-se, se fizer o que seu filho pode fazer por si mesmo, você só o estará incapacitando para o futuro.

Você pode planejar atividades de que seus filhos precisam para exercer autocontrole, persistência, disciplina e tudo que fortalece seu caráter.

Você verá que essas ações simples farão a diferença em seu dia a dia e em sua vida a longo prazo.

Advertisement

Traduzido e adaptado por Erika Strassburger, do original La cadena de fortalezas y otras buenas ideas para aumentar la autoestima en tus hijos

Toma un momento para compartir ...

Emma E. Sánchez

Casada y madre de tres hijas. Interesada en el fortalecimiento y formación de la mujer, la familia y el hogar.