Você pode estar prejudicando a vida social futura de seu filho por estar fazendo isto errado

A maneira como você conversa com seu filho hoje pode afetar suas habilidades sociais mais tarde.


Sônia Penha

Além de ter a certeza de que seu filho está alimentado, limpo e recebe sono suficiente, acrescente mais uma coisa às suas preocupações: o desenvolvimento de habilidades sociais do seu filho pela forma como você fala. A maneira como você conversa com seu filho hoje pode afetar suas habilidades sociais mais tarde.

Algo que as pessoas achavam é que a criança já nasce com habilidade social e não precisa ser ensinada, mas muitas pesquisas têm mostrado que o ambiente em que as crianças crescem pode ter grande impacto na forma como elas interagem com os outros à medida que envelhecem. Um fator chave pode ser o tipo de linguagem que ouvem em torno delas, mesmo em uma idade onde tudo o que podem fazer é tagarelar.

Psicólogos da Universidade de York avaliaram 40 mães com os seus bebês de 10, 12, 16 e 20 meses, registrando a linguagem que as mães usaram com os bebês ao brincar. Eles estavam interessados ​​em “comentários relacionados com a mente”, inferências sobre o que alguém está pensando quando um comportamento ou ação acontece, como o pai comentar que a criança ficou “frustrada” por ter dificuldade em abrir a porta de um brinquedo.

Os pesquisadores voltaram a visitar os filhos quando tinham 5 ou 6 anos de idade para avaliar a sua capacidade sócio cognitiva, com leitura de uma história e perguntas da compreensão de conceitos sociais como persuasão, piada, mal-entendidos, mentiras, etc. Os melhores resultados foram dos filhos cujas mães comentaram sobre os comportamentos e sentimentos enquanto eles eram bebês ou crianças.

Elizabeth Kirk, professora e principal autora do estudo, disse que “estes resultados mostram como a capacidade de uma mãe para sintonizar-se com pensamentos e sentimentos do seu bebê desde cedo ajuda a criança a aprender a ter empatia com outras pessoas. Isto tem consequências importantes para o desenvolvimento social da criança, capacitando as crianças a compreenderem o que as outras pessoas podem estar pensando ou sentindo.”

Outro estudo em Neuropsicologia do Desenvolvimento, sobre bebês de 10 meses de idade, mostrou como as habilidades sociais deles nessa idade estão ligadas à aprendizagem de uma segunda língua. Os pesquisadores estavam interessados num comportamento social chamado mudança do olhar precoce, que envolve o rastreamento visual das pessoas e objetos. Eles descobriram que os bebês que se envolveram em mudar mais o olhar com um professor de língua estrangeira mostraram um aumento na resposta do cérebro.

“Esse estudo fornece evidências de que as habilidades sociais dos bebês desempenham um papel em quebrar o código da nova linguagem,” disse Patrícia Kuhl, codiretora do Institute for Learning & Brain Sciences e coautora do estudo. “Os estudos anteriores demonstraram que a mudança do olhar infantil é um bloco de construção para as habilidades sociais em crianças pré-escolares. “

Advertisement

Veja em que tipo de ambiente seus filhos estão crescendo e que linguagem está sendo usada perto deles e ajude-os a desenvolver habilidades sociais de forma que se tornem mais amigáveis e generosos, respeitando os sentimento e emoções alheios e olhando para os outros compreendendo que não são o centro de tudo.

Leia também: 10 dicas úteis para pais de filhos únicos

Leia também: Quando intervir na vida social de seu filho adolescente

Toma un momento para compartir …

Sônia Penha

Sônia Penha é esposa e mãe de duas lindas filhas. Ama sua família, gosta de ler e se informar sobre vários assuntos, gosta de fazer artesanato e atividades que envolvam a família e amigos. Possui formação em Informática e é editora para o Familia.com.br.