Filho bagunceiro? Como ensinar organização

Exemplo e persistência são as chaves para ensinar seu filho a deixar de ser bagunceiro


Renata Finholdt

As crianças adoram brincar e para isso frequentemente espalham todos os seus brinquedos para escolherem qual o brinquedo da vez, mas, ao final da brincadeira, se esquecem (ou simplesmente deixam para a mamãe essa função) de recolher e deixam o ambiente bem bagunçado.

Há ainda, aquelas que espalham suas roupas na hora de tomar banho ou simplesmente ao trocá-las e deixam o banheiro e o quarto com uma terrível aparência.

Os guarda-roupas são outro problema para os pequenos, mesmo que a mamãe organize frequentemente, não é incomum que eles, ao escolherem uma peça de roupa, acabem por tirar outras do lugar e a partir de então a bagunça se instala.

Não é fácil manter a organização de uma casa, principalmente quando não há colaboração das crianças, para sanar esse problema é preciso ensiná-las frequentemente, sem desanimar.

Uma criança bagunceira tem tudo para se tornar um adolescente bagunceiro e consequentemente um adulto do mesmo nível. Então, como pais, é preciso assumir essa função de ensino o quanto antes.

1. Ensine pelo exemplo

O quarto está bagunçado e cheio de brinquedos e roupas fora do lugar? Chame-os para organizarem juntos. Mostre que há lugares próprios para cada coisa estar em seu lugar e assim tornar o ambiente muito melhor. Façam juntos das primeiras vezes e depois delegue essa responsabilidade ao pequeno, sempre supervisionando.

2. Crie uma tabela de tarefas

Em um lugar visível da casa deixe uma tabela de tarefas para cada um de seus filhos. Inclua nesta tabela a organização de suas próprias coisas, além das tarefas designadas a cada um (lavar a louça, varrer a garagem, regar as plantas, etc.). Ao término do dia, observe se todas as tarefas foram devidamente cumpridas e deixe sua marca de aprovação ou reprovação. No final do mês, com base nas tarefas determinadas, você pode utilizá-la para definir a mesada de cada um. Aos que cumpriram todas as tarefas diariamente, cem por cento da mesada; aos que deixaram de cumpri-las, um percentual menor definido por você.

Advertisement

3. Etiquete os lugares de cada coisa

Dentro do guarda-roupa, por exemplo, cole etiquetas determinando o lugar correto para cada item, assim não haverá motivos para guardar as coisas em locais diferentes do predeterminado.

4. Caixas organizadoras

Ajude seus pequenos criando caixas para que cada um de seus brinquedos fiquem mais bem organizados a fim de que ele possa arrumar de maneira mais fácil e eficaz. Caixas para carrinhos, cartas, jogos de tabuleiro, bonecas pequenas, etc. Assim também com seus acessórios: laços de cabelo, bonés, cintos e todos os outros objetos pessoais deles. Se houver organização dos itens é mais fácil ajudá-los a manter a organização.

Porém, lembre-se, é preciso que você primeiramente ensine pelo exemplo. Ajude-os sempre que necessário até que a organização se torne um hábito.

Toma un momento para compartir …

Renata Finholdt

Renata Finholdt é formada na área de Recursos Humanos com enfâse em treinamentos.