Dicas simples para captar a água da chuva

Aprenda os 5 cuidados essenciais para economizar com a captação e reaproveitamento da água da chuva.


Marilia de Andrade Conde Aguilar

Todo brasileiro conhece de cor a música do cantor Jorge Ben Jor que diz:

“Moro num país tropical, abençoado por Deus,

E bonito por natureza. Mas que beleza!”

O Brasil é realmente um país de muitas belezas naturais, e o fato de ser detentor de 12% de toda a água doce superficial do planeta é mesmo uma grande bênção.

Além de abrigar o maior rio do mundo em extensão e volume, o Rio Amazonas, chuvas abundantes caem sobre mais de 90% do território brasileiro durante o ano.

Infelizmente o tratamento da água para consumo ainda é um procedimento caro por aqui, além do tratamento de esgoto ser praticamente inexistente em muitas regiões do país. Isso faz com que a falta de abastecimento tenha se tornado uma realidade em vários municípios. Chega-se a falar até na existência de uma verdadeira crise hídrica.

Leia: Dicas de segurança doméstica

Advertisement

Estudiosos afirmam que a água será a principal causa de conflitos entre os povos em um futuro próximo.

Nesse contexto a captação de água das chuvas para uso residencial tem se mostrado como uma prática muito vantajosa – tanto em termos de economia, como para a preservação desse recurso tão valioso.

Existem muitas formas de realizar essa captação. Mas, independente da forma escolhida, alguns cuidados essenciais precisam ser observados. São eles:

1. Lavar o telhado

Após um período longo sem chuvas, as primeiras chuvas devem ser utilizadas para “lavar” o telhado da sujeira que ficou acumulada. Não é recomendado armazenar essa água.

2. Tampar

Lembre-se que a água armazenada deve ser devidamente tampada, para impedir que os reservatórios se tornem criadouros para insetos transmissores de doenças – como o mosquito transmissor do vírus da dengue.

3. Filtrar

A instalação de um filtro simples, como uma tela de mosqueteiro, por exemplo, tem a propriedade de reter as sujeiras maiores, melhorando muito a qualidade da água armazenada.

4. Tratar

Tratar com cloro a água armazenada, para evitar a proliferação de larvas e outros microrganismos. Esse procedimento permite que a água seja armazenada por anos.

5. Utilizar

A água captada das chuvas pode ser utilizada para regar as plantas, lavar o quintal e na limpeza da casa. Mas não deve ser utilizada para beber ou cozinhar alimentos!

É possível começar a captar a água das chuvas mesmo com um baixo investimento de dinheiro.

Comece com um projeto pequeno e vá expandindo aos poucos. Você só tem a ganhar! E o meio ambiente também.

Advertisement

Leia: 10 dicas para crescer economicamente

Toma un momento para compartir …

Marilia de Andrade Conde Aguilar

Marilia Condé Aguilar é advogada, escritora, esposa e mãe. Adora pesquisar e está sempre em busca de soluções práticas para ajudá-la a equilibrar suas responsabilidades familiares e profissionais.