Crianças precisam de brinquedos simples e não tablets ou eletrônicos

Se estava pensando em dar um tablet no aniversário de seu filho, talvez seja melhor ler este artigo antes.

Emma E. Sánchez

Mais uma vez, os estudiosos do tema confirmam o que muitos pais e professores já vêm observando nos últimos dez anos: os dispositivos eletrônicos não beneficiam o desenvolvimento social ou cognitivo das crianças pequenas.

A Associação Americana de Pediatria (AAP) reconhece que as crianças necessitam de brinquedos simples e não de telas digitais.

Certamente é uma cena comum no Natal ou nas festas infantis onde abundam os presentes: os brinquedos novos jogados, talvez até quebrados, e as crianças, ou o aniversariante, brincando com as caixas e inventando suas próprias histórias.

Essa cena é mais comum quando se trata de crianças menores de 7 anos, mas, infelizmente, também tem que ser dito, pouco a pouco a cena se transforma em pátios ou jardins silenciosos e salas com crianças prostradas ante um dispositivo eletrônico que os tem completamente absorvidos, isolando-os de suas famílias e o mundo.

Por isso, quando falamos em favorecer ou contribuir para a formação de uma criança, temos de voltar ao básico.

Advertisement

Brinquedos sim! Telas não!

Os pediatras, psicólogos e especialistas em desenvolvimento humano sugerem para as crianças os seguintes brinquedos:

Blocos para montar

Atualmente, você pode encontrar no mercado uma infinidade de marcas e modelos de blocos para armar, montar ou empilhar, lembre-se que para as crianças menores os blocos deverão ser maiores, coloridos e seguros.

À medida que as crianças crescem, o bloco pode ser menor. A marca mundial LEGO tem uma grande variedade de blocos e conjuntos para montagem, cada produto define a idade recomendada.

Se preferir, você pode fabricar os primeiros blocos para seus filhos de madeira. Você pode ir a alguma carpintaria e confeccioná-los de sobras ou cortes de madeira, só necessitará de uma boa lixa, tintas coloridas e sua criatividade; inclusive, esta pode ser uma ótima atividade familiar.

Brincar com blocos motiva nas crianças o desenvolvimento social; quando trabalham com outras crianças aprendem a ceder, negociar, compartilhar e colaborar, ao mesmo tempo que fortalecem suas habilidades motoras grossas e finas. Com os blocos, as crianças também aprendem a classificar por forma, tamanho e cor. Os blocos favorecem o pensamento simbólico e a resolução de problemas favorecendo o pensamento lógico matemático.

Advertisement

Todas as crianças menores de 7 anos deveriam ter uma área para brincar com blocos em sua casa. Quase todos os pré-escolares têm uma.

Bonecos e figuras de ação

Meninos e meninas necessitam de bonecas e figuras humanas, bebês, marionetes, bonecos articulados e todos aqueles que lhes permitam praticar o jogo simbólico. Quer saber como seus filhos veem os pais? Ou saber se eles se sentem felizes ou se algo os preocupa? Deixe ao seu alcance bonecos, deixe-os brincar livremente e assista. As crianças falarão como você e dirão suas próprias palavras, tratarão seus bonecos como você os trata.

As crianças aprendem a viver e praticam fazendo o que veem quando têm ao seu alcance brinquedos que lhes permitam manipulá-los e expressar-se. Esqueça os bonecos que falam ou se movem sozinhos, pois esses só farão com que a criança os observe e não interaja com eles nem por meio deles.

Não vale a pena gastar tanto dinheiro com robôs quando o que precisam é praticar o que observam.

Brinquedos para cozinhar ou experimentos científicos

As crianças gostam muito de cozinhar, pois podem sentir as diferentes texturas, cheirar e provar, além de que lhes é muito emocionante aprender a usar o fogão e os apetrechos de cozinha. Quando você dá a uma criança uma minicozinha ou vasilhas ou um forninho, ela pode “experimentar”, de forma segura, cozinhar para seus amigos.

Advertisement

Jogos de ciência são muito semelhantes. Você pode encontrar à venda experimentos já armados ou jogos simples de química ou biologia que não só o incentivarão a experimentar, mas a ir desenvolvendo uma mente científica (que atualmente é saber se expressar bem).

Tintas, lápis de cor, pincéis

Dizem que todos nós, seres humanos, sem importar a idade, deveríamos seguir colorindo e desenhando por toda a vida, pois não só podemos desenvolver um talento como também pode ser algo totalmente terapêutico; e para as crianças, a origem de uma mente criativa e equilibrada.

Bolas

Todas as crianças devem ter ao seu alcance bolas de todos os tamanhos e tipos; as bolas desenvolvem uma infinidade de habilidades motoras finas e grossas, bem como reflexos e funções visuais.

Aprender a agarrar, atirar, pular, passar e carregar uma bola é o básico infantil. Se você tem crianças e até adolescentes, certifique-se de que elas joguem bola todo dia.

Pode parecer estranho ou fora de lugar, mas colocar pequenas cestas nos recipientes do lixo ou da roupa suja no quarto dos seus filhos (e até no seu) fará com que seus filhos joguem o lixo ou as meias nas cestas “encestando” as peças. Esses são exercícios magníficos para o cérebro, estabeleça regras claras para seu uso e pronto! Agora, se você for mais conservadora, coloque uma cesta de basquete na garagem ou no quintal e deixe uma bola perto, seu marido e filhos vão agradecer.

Advertisement

Jogos de tabuleiro e quebra-cabeças

Seu valor reside em jogá-los em família ou, pelo menos, acompanhar as crianças de vez em quando para animar, ajudar um pouco; mas acima de tudo, para fortalecer laços familiares e aprender as habilidades de socialização necessários por toda a vida para se relacionar e fazer amigos.

Instrumentos musicais

Eu sei, há momentos em que o barulho pode ser insuportável, mas vale muito a pena!

Quando as crianças já têm entre 5 e 8 anos, podem iniciar formalmente a aprendizagem de um instrumento em particular. Não hesite em investir em aulas de música, no futuro seu filho poderá ter um ofício musical ou não, mas certamente terá uma maneira de se manifestar e um grande prazer para sempre.

Livros para colorir, recortar ou montar

Sem excessos e vigiando os conteúdos. Este tipo de livros infelizmente está desaparecendo, pois os livros com adesivos ou “stickers” vão substituindo-os; e embora sejam bons, dependendo do conteúdo, deixam de lado as habilidades de recortar e colar, o que pode ser um desafio quando se é criança.

Triciclos, bicicletas e veículos de tração humana

Pedalar ou usar patins e skate fortalecem seus ossos e sua saúde global. Novamente, todas as crianças deveriam chegar à idade escolar sabendo andar de bicicleta e de patins.

Advertisement

Brinque com eles, aprendam juntos e veja-os crescer

Os eletrônicos são divertidos, mas há um tempo para tudo. Permita que suas crianças desenvolvam todas as habilidades necessárias antes de dar-lhes um tablet ou um celular; e quando o tempo chegar, não se esqueça de colocar limites e continuar promovendo esportes, arte e jogos em família. Então, elas não terão problema com o vício em telas que muitos adolescentes costumam desenvolver.

Brincar é o trabalho mais sério que uma criança pode fazer, não se esqueça disso.

Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa do original Los niños requieren juguetes sencillos y simples, no tabletas o electrónicos

Toma un momento para compartir ...

Emma E. Sánchez

Casada y madre de tres hijas. Interesada en el fortalecimiento y formación de la mujer, la familia y el hogar.