Como ser paciente diante das aflições

A vida é um aprendizado no qual a paciência tem papel fundamental. Leia este artigo e descubra como ser mais paciente.


Suely Buriasco

Meu pai sempre pondera: “Não estamos nessa vida a passeio”. Acredito mesmo que existe um propósito muito grande para estarmos neste mundo, convivendo com todo o bem e mal que ele apresenta. Aprender, evoluir e colocar em prática trazem significado a nossa vivência, representando atitudes necessárias ao nosso bem-estar. Todavia, a prática dessas atitudes não é tarefa fácil e, muitas vezes, somos submetidos a provas dolorosas. Assim, compreendo as aflições como imposições necessárias para o aprimoramento espiritual do ser humano.

Aprendizado e paciência

Ouço muito as pessoas dizerem que todo dia se aprende algo, mas não é assim que acontece. Em todos os dias temos oportunidades de aprender, mas depende de nós mesmos aproveitá-las ou não. Infelizmente, não são poucos os que preferem o papel de vítima, culpando pessoas, situações e até mesmo Deus por suas aflições. Assim, as dificuldades pelas quais todos passamos são preciosas lições de aprendizado, desde que nos impulsionem à superação. Essa visão da vida transforma as pessoas e inspira a paciência e a resignação ativa, pois inspira a luta consciente do que pode ser feito e a aceitação serena do que não está em suas mãos fazer.

Efeitos da paciência

Em entrevista a esse site, o professor e psicólogo Felipe de Souza afirma que “A paciência é uma virtude que traz em si uma série de benefícios para o indivíduo e para a sociedade. Uma pessoa paciente é resignada, resiliente, o que significa que ela consegue suportar uma contrariedade temporária sem reagir de forma inadequada”. O especialista observa ainda que o benefício dessa prática se estende para qualquer área de aprendizado, salientando que desenvolver habilidades leva tempo e exige muita paciência. Lembrando Santo Agostinho “a paciência é companheira da sabedoria”.

Paciência e fé

Mas, se concordamos que a paciência é fundamental no enfrentamento das dificuldades da vida, bem como do aprendizado que nos proporciona, resta-nos uma pergunta: como desenvolvê-la? Somente pelo fortalecimento da fé chegamos a um estado de serenidade verdadeira. É preciso acreditar que tudo tem uma razão de ser e nos induz a um bem maior. Quem tem fé não se lamenta ou se revolta, tudo suporta com paciência, persistindo na luta, porque sabe que a bonança sucede a tempestade.

Fé e ciência

A comprovação científica é um processo que engloba métodos teóricos e práticos que atestam a veracidade de um fato ou argumento. Essa matéria afirma que “A ciência se curvou aos fatos: dezenas de estudos mostram que fiéis são mais felizes, vivem mais e são mais agradáveis”. Relata ainda que, por sua importância comprovada, grandes faculdades americanas de medicina dedicam uma disciplina ao tema. Acreditar numa força superior que rege a vida de forma justa e benevolente é fundamental para desenvolver a paciência diante de qualquer obstáculo, dificuldade ou sofrimento.

Os males que nos afligem são provas que devemos nos submeter para a nossa evolução espiritual. Podem ter origem em nossas próprias ações ou surgir surpreendentemente. De qualquer forma, aquele que tem fé se mantém confiante na luta e entrega a sua vida nas mãos do Senhor.

Toma un momento para compartir …

Suely Buriasco

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.