A música e a harmonia no lar

Como fazer do lar um pedacinho do céu por meio da música.


Marilia de Andrade Conde Aguilar

Sou uma verdadeira amante da boa música! E tenho plena certeza que o início desse amor surgiu ainda na infância, por meio das músicas que meus pais ouviam e cantavam para mim e minhas irmãs.

Hoje tenho a oportunidade de incutir esse mesmo amor em meus filhos. É tão gostoso ouvir minha filhinha cantando músicas que eu cantava quando era criança. Músicas que ouvi dos meus pais, que ouviram dos pais deles e sabe-se lá há quantas gerações antes deles essas melodias vêm sendo repetidas.

A música tem um efeito poderoso na mente das pessoas e, em especial, no espírito sensível das crianças. Ela tem o poder de alegrar, acalmar, elevar e fazer nos sentirmos mais perto do Pai Celestial. Por outro lado, também pode instilar sentimentos agressivos, imorais e degradantes.

Jesus Cristo também entendia o poder da música. Marcos, no capítulo 14, versículo 26 da Bíblia Sagrada, conta que, antes de se retirar para orar no Monte das Oliveiras, o Salvador e seus discípulos cantaram juntos.

Mais adiante no relato, lemos sobre o sofrimento intenso que Ele passou no Monte das Oliveiras, seguido por Sua prisão, culminando em Sua morte na cruz.

É tocante saber que em seus últimos momentos com seus amigos, a música o ajudou a se preparar para o que estava por acontecer.

Como podemos, então, utilizar a música para trazer harmonia para nosso lar?

Advertisement

Veja as dicas a seguir:

1. Selecione o tipo de música que entrará em seu lar

Não escute música que contenham letras vulgares, depreciativas, ou ainda que incentivem a violência ou a imoralidade de qualquer forma. Esse tipo de música irá enfraquecer sua sensibildade.

2. Afine seus sentimentos

Além da preocupação com a letra, é importante tomar um cuidado especial com o ritmo e a melodia. Preste atenção aos sentimentos que você tem ao escutar determinada música. Se lhe trouxer sentimentos bons, provavelmente é uma boa música. Entretanto, se lhe trouxer sentimentos negativos, deverá ser evitada.

3. Escute boas músicas com frenquência

É muito prazeroso, especialmente para as crianças, quando a melodia e a letra de uma música tornam-se familiares.

4. Use as músicas para ensinar

Selecione músicas alegres com letras instrutivas e veja como seus filhos pequenos aprenderão num instante algo que você levaria dias tentando ensinar. Tenho uma filhinha de 3 anos que detestava sopa. Foi só ouvir algumas vezes a música Sopa, do grupo Palavra Cantada, e pronto. Agora ela adora sopa!

5. Divirtam-se com música

Há diversas maneiras de usar a música para brincar. Jogos como “Dança da Cadeira” e “Estátua” farão a alegria dos pequenos. Com os mais velhos, podemos fazer um concurso de adivinhar qual é a música, compositor, etc. Ou consiga várias músicas de um determinado instrumento, país ou período histórico.

Lembre-se que as lições aprendidas na infância são as que permanecem mais fortemente gravadas no coração de uma pessoa.

Tenha sempre boa música em seu lar e seus filhos certamente aprenderão a apreciar e amá-la.

Toma un momento para compartir …

Marilia de Andrade Conde Aguilar

Marilia Condé Aguilar é advogada, escritora, esposa e mãe. Adora pesquisar e está sempre em busca de soluções práticas para ajudá-la a equilibrar suas responsabilidades familiares e profissionais.