9 métodos infalíveis para não alimentar os ciúmes

Seu ciúme anda exagerado e você tem consciência disto, mas virou uma luta interior parar de suspeitar?


Fernanda Ferraz

Muitas vezes, controlar o ciúme é um grande dilema? Você sabe que anda descontrolado e falando milhões de besteiras por causa do ciúmes? Então, é hora de refletir melhor sobre suas ações.

O ciúme é muito prejudicial tanto para o relacionamento como para quem o sente. Ele faz com que a pessoa tenha uma visão distorcida da verdade, manipula a mente a ver coisas que não existem e tudo isso acaba gerando sérios conflitos, desestruturando uma relação estável e trazendo muitas mágoas.

O ciumento não pode ver o cônjuge, namorado ou noivo cumprimentar alguém com um simples “bom dia” que já fica desconfiado. Acha que a situação não foi apenas por educação e sim que existe algo além, um flerte ou uma segunda intenção. Se sorrir para alguém do sexo oposto é porque está com algum tipo de envolvimento e uma história começa a ser alimentada, tudo isto é claro, deixa o outro incomodado. O pior é que as brigas começam a acontecer todo dia e em todo lugar, deixando o companheiro magoado.

Segue abaixo algumas dicas aos ciumentos e ciumentas para livrarem-se de pensamentos negativos a respeito de seu companheiro. É claro que vai ser preciso muito esforço! Vamos lá!

Elimine as minhocas da cabeça! Não aceite que maus pensamentos a respeito do outro tome conta da sua vida. Não se deixe alimentar por falsas suspeitas. O ciúme não tem o poder de lhe controlar, você é que tem poder de controlá-lo! Não aceite pensar em bobagens, mude de pensamento quando algo surgir em sua mente de forma controladora e negativa. Pense em coisas boas como, por exemplo, todas as qualidades que o outro tem, todas as vezes que fez algo por você, releia as mensagens de declarações de amor, veja as fotos e convide-o a participar deste momento. Peça ajuda para juntos montarem um mural do amor, desde o início do namoro até agora.

1. Não dê ouvidos

Não escute pessoas que lhe induzem a pensar negativo. Como frases do tipo: “Homem é tudo igual”, “Ele está te traindo, todo mundo faz isso!”, “Não acredite nele!”. Comentários deste tipo devem ser deletados! Seja sábio e não se deixe levar pelo que os outros pensam, se estão juntos é porque existe algo importante entre vocês e para cada um, o carinho, a amizade, o amor e o companheirismo. Não deixe que as pessoas digam como você deve pensar e agir, lembre sempre de tudo de bom que vocês tem em comum.

2. Parar de comparar

Não fique comparando. Se tiver esta mania pode ir parando, comparar é diminuir o outro a menos ou a nada! Cada um tem seu jeito especial de ser, sua história, seu carisma… Não torne a convivência da relação penosa e desgastante. Ninguém gosta de ser comparado, a não ser que seja de forma positiva! Ao invés de menosprezar, mude de atitude e diga: “Você tem esse jeito carinhoso e especial igual ao meu irmão…”

Advertisement

3. Livre-se do ciúme

Livre-se de TUDO que lhe faça mal. Se for preciso mudar muitas coisas tenha a determinação de fazê-lo, mas não desista da sua felicidade.

4. Exercite a confiança

Confie em você mesmo. Ao invés de cultivar discórdia, nutra carinho, seja essa pessoa incomparável cheia de carinho e afeto. Se caso algum dia houve traição da parte do outro e este mostrou arrependimento sincero, perdoe e siga em frente. Esqueça o que passou e dê seu voto de confiança novamente.

5. Controle a raiva

É fácil sentir raiva e se descontrolar por qualquer motivo que nos perturbe, mas se você controlar sua raiva vai conseguir vencer suas próprias dificuldades.

6. Coloque-se no lugar do outro

Imagine que seja você que recebe a carga desse ciúme todo, que ouve todas as reclamações por parte do outro e que é acusado diariamente. Visualize isso, como se sente? No mínimo injustiçado. Então, avalie suas próprias atitudes.

7. Não aja por impulso

Não aja pela situação que “aparenta”. Tenha equilíbrio emocional, tente não sair falando tudo que vem na mente, pare… Respire… Pondere. Aja com a razão, não com a emoção.

8. Ocupe seu tempo

Ao invés de ficar mexendo, vasculhando na carteira, agenda, pasta, gaveta ou bolsos do seu companheiro, faça algo produtivo. Ocupe a mente e seu tempo com outras coisas das quais gosta, em vez de ficar buscando confusão. Chame-o para dançar, jantar ou assistir um filme.

9. Capriche

Quer se sentir bonito? Chamar a atenção do seu companheiro? Então, acho que é dia de arrumar os cabelos, comprar um lindo vestido ou aquela camisa social linda, fazer um novo corte de cabelo e irradiar beleza.

Toma un momento para compartir …

Fernanda Ferraz

Graduada em RH, acredito que nossa vida têm verdadeiro propósito, sou SUD, sei que toda dor e aflição é uma fonte de virtude e força espiritual, que nos molda e purifica.