9 dicas para preservar seu patrimônio e economizar energia

Aprenda nove dicas que lhe ajudarão a preservar seu patrimônio, além de economizar, conquistando assim uma prática sustentável de vida frugal e equilibrada.


Antonio Alexandre Silva Neto

Uma vez que, via de regra, recebemos nosso salário a cada trinta dias e que geralmente fazemos compras de equipamentos de forma parcelada, uma maneira de economizarmos nosso suado dinheiro é preservar nosso patrimônio.

É mais comum do que se imagina encontrar famílias endividadas ou reclamando da falta de dinheiro justamente porque não cuidam do que têm.

Só para exemplificar, existem pessoas que trocam de fogão a cada seis meses, porque o consideram um produto descartável. Ou seja, usam sem limpar. A cada vez que usam, o equipamento agrega sujeira e gordura até que já não é possível recuperá-lo com uma limpeza.

Parece absurdo, mas é real. O mesmo acontece com outros equipamentos e utensílios.

Baixe o anexo a este artigo que possui duas tabelas, as quais usaremos para ilustrar as explicações seguintes.

Todos os utensílios, máquinas e equipamentos têm sua vida útil que pode ser ampliada de acordo com a forma que os usamos e os preservamos. Veja a tabela 1 anexa.

Aqui vão algumas dicas para preservar o que tem:

Advertisement

1. Seja grato pelo que tem. Sempre!

Não despreze o que ganhou nem o que comprou. Mesmo que tenha algo que as demais pessoas julguem ser inferior, é seu. Dê valor.

2. Use seus equipamentos até o fim da vida útil

Se funciona bem, use-o e mantenha-o. Mantenha suas roupas bem-arrumadas no guarda-roupa e cômodas. Não as descarte só porque saíram de moda. Customize. Reinvente.

3. Engraxe seus sapatos. Lave seus tênis e sandálias

Coloque-os para arejar ou ao sol por um período. Use-os até que o desgaste seja irreparável. Se for reparável, leve ao sapateiro, se o conserto for mais barato do que um novo.

4. Ao usar um eletrodoméstico, limpe-o, seque-o e guarde-o adequadamente

Não os deixe jogados. Adote esta regra para toda a casa: tirou, usou, limpou, guardou. E guarde sempre no mesmo local.

5. Leia os manuais de instruções de seus equipamentos

assim que os adquirir e os mantenha em lugar acessível para consulta quando o equipamento apresentar problemas. Cuidado com a voltagem, alguns equipamentos não são bivolts.

6. Antes de comprar um novo, quando qualquer equipamento apresentar defeito, verifique se há conserto

Se está na garantia e se o conserto é mais econômico do que comprar um novo.

7. Mantenha a estrutura física de sua casa arejada e limpa

Pinte-a regularmente. Mantenha a caixa d’água limpa. Faça reparos imediatamente. Se estiver quebrado, conserte. Limpe seu quintal. Não acumule lixo dentro ou fora de casa. Organize sua casa. Use a regra: um lugar para cada coisa, cada coisa em seu lugar. Valorize seu imóvel.

8. Ensine suas crianças a guardar os brinquedos e a preservar as coisas da casa

Isso é algo desafiador, eu sei. Mas mesmo assim esse conceito é muito adequado. Isso diminui estragos e acidentes. Paredes vão ser menos rabiscadas e sofás menos cortados, sem falar em menos peças de vidros ou vasos quebrados, e o uso inadequado de equipamentos que quebram ou queimam por “acidente”.

9. Troque seus equipamentos que gastam mais energia por equipamentos com Selos Procel e Conpet de classificação A

Faça do lugar onde mora um local agradável para si mesmo e para sua família.

Seja frugal.

Advertisement

Dia Mundial do Meio Ambiente: 6 atitudes sustentáveis no ambiente urbano

Toma un momento para compartir …

Antonio Alexandre Silva Neto

Antônio Alexandre é Tecnólogo em Gestão Empresarial e trabalha como Diretor Administrativo na Weyes Technology Solutions, empresa de inovações em Tecnologia da Informação. Autor do livro "Salário e Prosperidade", é casado, pai de cinco filhos com um neto (ou neta) a caminho. Gosta do mar, nadar e passear de bicicleta na praia, além de ler e escrever.