5 motivos pelos quais a lua de mel é a pior parte do casamento

Casar é o sonho da maioria das pessoas, mas não deixe que a lua de mel transforme o sonho em pesadelo.


Stael Ferreira Pedrosa

Ah, a lua de mel, as pessoas se referem a ela como a melhor parte do casamento. Talvez para alguns tenha sido, mas não para todos e quem teve problemas com ela sabe do que se trata.

É suposto que a lua de mel seja um tempo para o casal se conhecer intimamente e desfrutarem momentos agradáveis sem preocupações com a parte prática do casamento. Conhecer lugares bonitos, comer uma ótima comida e desfrutar do amor.

Leia: 10 coisas que você não deveria fazer na sua lua de mel

Porém, tem um lado meio sombrio na lua de mel que ninguém fala.

1. O estresse da viagem

Vocês acabaram de se casar, estão ainda na magia do momento e ansiosos pelo futuro. Saem da festa e vão viajar. Isso tem o potencial de adicionar estresse aos recém-casados. Uma viagem sempre é estressante, seja pelo medo de perder o voo ou o ônibus, de perder a bagagem, de ter esquecido algo importante ou ainda dirigir por horas. O casal chega cansado e nem sempre está tudo perfeito com o hotel ou pousada.

2. Gastos além do previsto

Nem sempre tudo permanece dentro do orçamento. Existem gastos não pensados que somados vão dar um prejuízo real à sua nova vida. A menos que sejam pessoas ricas e não precisem se preocupar com gastos, é melhor fazer as contas antes de viajar, lembrando que a pipoca, o cinema, o teatro, o refrigerante, souvenirs ou coisas assim, geralmente não entram no planejamento e podem ser um grande problema.

3. Começar o casamento sem dinheiro

Seguindo na linha dos gastos com a lua de mel, o casamento que começa com o caixa zerado tem grandes chances de ter problemas em curto prazo. Provavelmente antes do casamento vocês abasteceram sua nova casa de mantimentos e produtos necessários do dia a dia, mesmo assim, se vocês não deixaram dinheiro reservado para mais nada, vão ter que ficar em casa à noite, não poderão fazer nada divertido fora de casa. Vão ter que cozinhar também.

Advertisement

4. Tempo com quem veio de longe

Muitas pessoas viajam quilômetros para o casamento e quando este termina os noivos se vão e aquela irmã que veio de São Paulo, ou o tio que veio de Brasília não terão nem tempo para matar a saudade e colocar a conversa em dia com os noivos. Talvez tenham algum tempinho na festa, mas os nubentes têm que circular. Além disso tem casais que saem da igreja direto para a lua de mel.

Leia: Como enfrentar a depressão pós lua de mel

5. Hotéis

O tempo da lua de mel, como já falado, é para o casal passar doces momentos juntos e não se preocuparem com coisas práticas do casamento. Não foi o que aconteceu com a blogueira norte-americana Cody. Ela conta de maneira bem-humorada como foi sua lua de mel que ela tanto esperou e planejou. Segundo ela, foi o caos, e uma parte da tragédia se deu pela escolha do lugar e pelo hotel. Ela havia escolhido um local muito chique onde famosos e milionários costumam ir e logo se arrependeu, pois, os preços de tudo não eram apropriados para um casal pobre e recém-casados. Todo o dinheiro que tinham foi gasto na lua de mel e voltaram para casa sem um tostão. E ela conta que um dos problemas foi imaginar quem teria usado os lençóis antes dela, já que mesmo sendo um hotel caro, a cama não parecia ter sido trocada (irc).

Já a jornalista e blogueira Gabi Chanas conta que o estresse da lua de mel tem feito muitos casais adiarem a viagem para 1 ano após o casamento.

Se você está para se casar, talvez seja bom fazer como os novos casais estão fazendo. Afinal, quando se acabam de casar qualquer lugar é bom, desde que estejam juntos e vão economizar e ter mais tranquilidade. Além disso, depois de um ano de casados, vocês vão querer muito dar um tempo. Aproveitem.

Leia também: Amor e casamento

Toma un momento para compartir …

Stael Ferreira Pedrosa

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.