21 alimentos que você pensa que são saudáveis mas então lhe engordando

Você faz dieta, come certinho, mas os resultados teimam em não aparecer? É possível que você esteja ingerindo alimentos que parecem, mas não são apropriados.


Stael Ferreira Pedrosa

A cada dia novas descobertas alimentares deixam para trás o que antes era considerado verdade absoluta em termos de alimentação e saúde. Com isso, hábitos adquiridos ou dietas de anos atrás, já estão superadas e percebe-se que não trazem o resultado desejado.

Alimentos como os abaixo, além de não serem mais considerados saudáveis, ainda estão lhe engordando. São eles:

1. Barrinhas de cereais

Embora consideradas saudáveis, para alguns, não são. Elas não têm o teor mínimo de fibras – estabelecido pela ANVISA. Mas têm bastante açúcar, gorduras trans, glúten, lecitina de soja e substâncias químicas.

2. Sucos engarrafados ou em caixas

Segundo o site saúde melhor, um copo de suco de maçã ou de laranja de uma garrafa pode conter mais carboidratos do que cinco fatias de pão. E os de caixinha não ficam atrás.

3. Iogurte desnatado

Geralmente a quantidade de carboidratos do iogurte desnatado é maior que do integral. Como regra geral, lembre-se que quanto mais gordura, menos carboidrato.

4. Pão integral

Embora muito mais saudável que o pão branco, o pão integral também engorda quando consumido em excesso. Atenção: Os pães de supermercado vendidos como integral não são realmente integrais.

5. Biscoito água e sal

Na verdade, a listinha de ingredientes é maior que isso: Farinha de trigo, gordura vegetal, malte, leite em pó, açúcar, sal, fermento biológico e fermento químico: bicarbonato de sódio e fosfato monocálcico e, claro, glúten. Cada biscoito tem 124 calorias!

Advertisement

6. Margarina

Ao contrário da manteiga que é natural, a margarina é somente um amontoado de gorduras hidrogenadas e óleos refinados.

7. Soja e derivados

A soja é transgênica em 90% dos casos, além disso é indigesta, afeta a tireoide e é tratada com produtos cancerígenos (lisinealina). A soja é um fitoesteroide que pode causar ovário policístico, que além de fazer engordar, atrapalha o emagrecimento.

8. Adoçantes

Estudos mostram que adoçantes aumentam o apetite para doces e carboidratos.

9. Kani

Vendido como carne de caranguejo, é na verdade merluza e outros peixes processados. Até aí tudo bem, o problema são os aditivos: amido, óleo vegetal, sal, sorbitol, açúcar e até, pasmem, glúten!

10. Shakes industrializados para emagrecer

Segundo a Proteste, não é adequado substituir uma ou mais refeições pelo shake, pois são desequilibrados: fornecem proteínas e carboidratos demais, mas gorduras de menos. E, carboidrato engorda.

11. Bebidas diet

Contêm aspartame, adoçante que entre outros males, aumenta o apetite. Troque pela água.

12. Saladas

Ah, pois é. Quem diria que a salada fosse um sabotador de dietas. Claro que vai depender dos ingredientes adicionais da sua salada de folhas e vegetais. Croutons, queijos, embutidos e molhos gordurosos, vão engordar a sua salada e você também.

13. Sushi

Sushi tem arroz, que se consumido em excesso, engorda. Prefira o Sashimi que é feito de fatias finas de atum ou salmão, grelhadas ou cruas, que têm ômega 3, vitaminas e minerais e sem carboidratos.

14. Sucos de frutas

Frutas são ótimo alimento, mas quando em excesso, sabotam a sua dieta. Um copo duplo de suco de laranja, não tem apenas mais nutrientes que o refrigerante, tem mais caloria também.

15. Castanhas

As castanhas têm zinco, selênio, magnésio e outros nutrientes essenciais para a saúde, mas devem ser ingeridas com moderação, pois são muito calóricas e gordurosas.

Advertisement

16. Leite desnatado

Este costuma, assim como outros produtos desnatados, ter mais carboidratos que os integrais.

17. Produtos light

Light significa que algum “nutriente” foi suprimido. Pode ser açúcar, gordura ou sódio. Vá com calma e leia o rótulo.

18. Produtos diet

Geralmente são para pessoas com restrição alimentar, o que não significa que sejam de baixa caloria. Por exemplo, o chocolate diet tem mais calorias que o comum.

19. Queijos gordos

Se você não está em uma dieta de restrição de carboidratos, não utilize queijos gordos. Prefira os mais magros como ricota e cottage.

20. Frios “saudáveis”

O peito de peru industrializado é considerado um alimento saudável, porém, basta olhar seus ingredientes para esquecer isso: fécula de mandioca, proteína de soja, aromatizantes, glutamato monossódico, conservadores e corantes.

21. Frutas secas

Carolina Furlani Baliere, nutricionista, explica que as frutas secas perdem apenas água no processo de desidratação, o que faz com que o açúcar nelas contido fique mais concentrado e até triplique. Por exemplo, um figo fresco tem 47 calorias, já o seco, 171. Coma moderadamente.

Toma un momento para compartir …

Stael Ferreira Pedrosa

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.