Calendário de vacinação para a criança de 0 a 2 anos

Veja quais vacinas seu filho tem o direito de receber nos primeiros dois anos de vida.

Erika Strassburger

Toda criança tem o direito de receber, em dia, as vacinas oferecidas gratuitamente pelo governo. Essas vacinas garantem não somente a sua proteção, como a erradicação de muitas doenças, como aconteceu com a varíola e a poliomielite (paralisia infantil).

De tempos em tempos algumas vacinas novas são acrescentadas ao calendário básico de vacinação e outras são substituídas. Por isso, vá ao posto de saúde mais próximo e verifique se seu filho não precisa fazer alguma vacina nova.

Veja quais vacinas seu filho precisa tomar nos dois primeiros anos de vida:

Calendário Básico de Vacinação da Criança

Logo que nasce

BCG- ID

(dose única). Ela previne contra as formas mais graves da tuberculose. A criança deve receber essa vacina o quanto antes. Por isso é aplicada antes de o bebê deixar a maternidade do hospital.

Anti-Hepatite B

(dose única). Ela deve ser aplicada nas primeiras 12 horas de vida do bebê. Também é aplicada ainda na maternidade.

Advertisement

2 meses

Pentavalente – DTP/Hib/Hep B

(1ª dose). Previne contra difteria, tétano, coqueluche, meningite, hepatite B e outras infecções por Haemophilus influenzae tipo B.

VIP

(1ª dose). Vacina injetável contra poliomielite.

Vacina Oral do Rotavírus Humano – VORH

(1ª dose). Previne contra diarreia grave causada pelo rotavírus.

Vacina Pneumocócica 10 – conjugada

(1ª dose). Previne contra meningite, pneumonia, otite e outras enfermidades causadas pelo pneumococo.

3 meses

Vacina Meningocócica C – conjugada

(1ª dose). Protege a criança contra meningite.

Advertisement

4 meses

Pentavalente – DTP/Hib/Hep B

(2ª dose). Previne contra difteria, tétano, coqueluche, meningite, hepatite B e outras infecções por Haemophilus influenzae tipo B.

VIP

(2ª dose). Vacina injetável contra poliomielite.

Vacina Oral do Rotavírus Humano – VORH

(2ª dose). Previne contra diarreia grave causada pelo rotavírus.

Vacina Pneumocócica 10 – conjugada

(2ª dose). Previne contra meningite, pneumonia, otite e outras enfermidades causadas pelo pneumococo.

5 meses

Vacina Meningocócica C – conjugada

(2ª dose). Protege a criança contra meningite.

Advertisement

6 meses

Pentavalente – DTP/Hib/Hep B

(3ª dose). Previne contra difteria, tétano, coqueluche, meningite, hepatite B e outras infecções por Haemophilus influenzae tipo B.

VOP

(1ª dose) Vacina oral contra poliomielite.

Vacina Pneumocócica 10 – conjugada

(3ª dose). Previne contra meningite, pneumonia, otite e outras enfermidades causadas pelo pneumococo.

9 meses

Febre Amarela

(dose inicial).

12 meses

Tríplice Viral – SCR

(1ª dose). Previne contra caxumba, rubéola e sarampo.

Advertisement

Vacina Pneumocócica 10 – conjugada

(reforço). Previne contra meningite, pneumonia, otite e outras enfermidades causadas pelo pneumococo.

15 meses

VOP

(reforço). Vacina oral contra poliomielite.

Tríplice Bacteriana – DTP

(1º reforço).Previne contra tétano, coqueluche e difteria.

Vacina Meningocócica C – conjugada

(reforço). Protege a criança contra meningite.

Observações importantes

Os pais têm a obrigação de manter a vacinação dos seus filhos em dia. Estar com a vacinação em dia significa estar protegido contras doenças que podem deixar sequelas e, até mesmo, levarem à morte.

Advertisement

Fontes: Informe técnico sobre introdução da VIP, Informe técnico sobre introdução da Vacina Pentavalente, Portal da Saúde SUS, Informe técnico sobre vacina Pentavalente e VIP.

Toma un momento para compartir ...

Erika Strassburger

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.