6 sintomas que mostram que você está no seu período fértil

O sonho de ter um filho ou mais um anda rondando seus pensamentos? Ou não quer engravidar, mas também não quer usar medicamento? O melhor caminho é o autoconhecimento.

Stael Ferreira Pedrosa

O período fértil acontece quando o óvulo amadurece e se direciona para as trompas de falópio. Se nesse período a mulher mantiver relações sexuais sem método contraceptivo, ela poderá engravidar. Por isso conhecer o próprio corpo e os sintomas associados à ovulação são importantes tanto para as que querem, quanto as que não querem engravidar. Aqui estão os sinais de fertilidade que seu corpo dá e que você deve observar:

6 sintomas que mostram que você está no seu período fértil

1. Aumento da libido

Devido ao aumento do hormônio progesterona durante esse período, a mulher pode se sentir mais bonita, mais sedutora e mais disposta à relação sexual que nos outros períodos. Também é comum sentir mais fome.

2. Secreções

Uma maior umidade na região vaginal pode ser percebida bem como uma secreção clara e viscosa, semelhante à clara de ovo que é liberada logo no início do período quando os folículos começam a se formar. O responsável pela secreção é um hormônio chamado estradiol e o intento é de facilitar o trânsito dos espermatozoides pelo canal vaginal. É a natureza dando sua contribuição para a perpetuação da espécie.

3. Temperatura corporal aumentada

O aumento da progesterona devido ao rompimento dos folículos que liberam os óvulos faz com que a temperatura corporal se eleve. Para perceber essa elevação (já que é mínima) é necessário medir todos os dias a temperatura basal (a temperatura de quando se acaba de acordar). O ideal é medir ainda na cama. Se a mulher tem medido todos os dias, perceberá quando houver um aumento ainda que pequeno, percebendo assim que está no período fértil.

4. Dor

Muitas mulheres relatam uma dor “no pé da barriga” durante certo período no mês. Geralmente essa dor é devida à ovulação. A atividade hormonal do estrogênio e do hormônio luteinizante faz com que os ovários fiquem maiores. O tamanho normal dos ovários é em torno de 45 centímetros cúbicos ou 30 mm x 15 mm x 15 mm. Porém, na ovulação esse tamanho aumenta consideravelmente. Na maioria dos casos ele pode chegar até 90 cm cúbicos. Toda essa alteração acaba por produzir dor de um dos lados do abdômen.

Advertisement

5. Mudança de humor

O caldeirão hormonal em que as mulheres vivem afundadas fazem de nosso humor alvo fácil de suas mudanças. Quem pensa que é só na TPM que sentimos tais mudanças está enganado. Na ovulação também passamos por isso. Segundo Martin Haselton, professor de psicologia da Universidade da Califórnia, as pesquisas sempre se concentraram na TPM, e pouco se pesquisava sobre o efeito da ovulação nas mulheres, tendo suas pesquisas encontrado que a mulher se torna mais primitiva (selvagem) durante o período, o que se mostra através de um comportamento mais agressivo.

6. Pele mais oleosa

Um dos sinais mais facilmente percebido pela maioria das mulheres é a pele um pouco mais oleosa que propicia o surgimento de espinhas e cravos. O responsável é o hormônio que aumenta a libido. Um dos responsáveis pelo aumento da libido nesse período é a testosterona, que também se apresenta no caldeirão de hormônios, e é ela que incrementa a produção das glândulas sebáceas tornando a pele mais oleosa e fazendo surgir espinhas.

Toma un momento para compartir ...

Stael Ferreira Pedrosa

Stael Ferreira Pedrosa é escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É mãe de dois filhos que ela considera serem a sua vida.