Transformando limões em limonada

A velha máxima: "Se a vida lhe der um limão, faça uma limonada" ainda é a receita para uma vida mais feliz e grata.


Becky Rickman

“Todos nós nos deparamos com uma série de grandes oportunidades brilhantemente disfarçadas de situações impossíveis.” – Charles R. Swindoll

É verdade. Muitas vezes confrontamos obstáculos que nos detêm. No entanto, se pudéssemos ver o que está do outro lado, saltaríamos os obstáculos para cair em uma vida melhor. Cada vez que retiramos um bloqueio na estrada e encontramos nosso caminho, aumentamos nossa autoconfiança e nos sentimos mais capazes.

Mas como olhar para algo que parece insuperável e revertê-lo a nosso favor?

1. Devemos determinar se esta é a nossa oportunidade

A primeira coisa que temos a fazer é determinar se esta é a nossa real oportunidade e se é a coisa certa a se buscar. É um desejo justo? Será que vai melhorar a nossa vida e as vidas ao nosso redor? Será que vai nos ajudar a crescer? Uma oração simples certamente trará as respostas.

2. Compreender de onde vêm os bloqueios

Assim, determinaremos se o objetivo é justo. Se a oportunidade vem com bloqueios no caminho, existe certo número de fontes a considerar. Eles poderiam estar vindo de Deus, do adversário ou de nós mesmos.

3. Às vezes, os obstáculos são para nos testar

Às vezes, nos são dados obstáculos para que tenhamos uma visão clara do quanto realmente queremos algo. Pode ser um sonho relacionado à carreira, alguém que amamos, ou a casa própria. Qualquer coisa que vale a pena ter vale a pena trabalhar para conseguir. Ultrapassar os obstáculos faz parte desse trabalho. No processo, podemos desistir de nossos sonhos ou tornar-nos ainda mais apaixonados e determinados a alcançá-los. Os obstáculos, muitas vezes nos ensinam o quão fracamente desejamos alguma coisa. Obstáculos podem ser vistos como uma verdadeira bênção porque nos ajudam a crescer.

4. Às vezes, os obstáculos vêm como tentação e impedimento de nossa conquista

Estes vêm do adversário, porque a última coisa que ele quer é que alcancemos nossos sonhos e desejos justos. Ele pode colocar obstáculos em nossos caminhos para tentar nos fazer desistir. Mas, uma vez que tenhamos através da oração determinado o valor do bem que desejamos, precisamos orar por tenacidade contínua e motivação. Se vale a pena alcançar, vale a pena lutar.

Advertisement

5. Estamos atirando no próprio pé?

Ocasionalmente, somos o nosso pior inimigo. Talvez tenhamos medo do sucesso. Talvez grandes mudanças nos preocupem. Talvez não tenhamos a confiança de que podemos realizar os nossos sonhos. Muitas vezes, consciente ou inconscientemente, colocamos desvios em nosso caminho para o sucesso. Acontece mais do que podem imaginar. Chegamos tão perto, mas entramos em pânico pensando que talvez não possamos conquistar o bem tão almejado. Esta é a hora de dobrar mais uma vez os nossos joelhos e pedir forças para superar as nossas próprias dúvidas.

6. Formular um plano

Agora que determinamos que o prêmio é bom e entendemos de onde os obstáculos são provenientes, temos que saber como formular um plano para alcançar nossa meta com sucesso. Precisamos de um capataz para o nosso projeto e vamos encontrá-lo através da oração. É hora de invocar o Espírito Santo como um membro da nossa equipe. Precisamos escrever exatamente o que é que queremos. Em seguida, colocar no papel quais são os passos para alcançar. Precisamos identificar a origem de nossos bloqueios no caminho e formular um plano para nos movermos através deles ou sobre eles. Em seguida, devemos definir uma data concreta para alcançar o prêmio, e com oração trabalhar por isso.

7. Agradeça

Uma vez que tenhamos feito isso, chegou a hora de dar graças ao grande mediador por sua ajuda e supervisão. Precisamos também agradecer aos entes queridos que nos apoiaram no processo.

8. A corrente do bem

Agora que estamos onde queremos estar, temos de olhar à nossa volta para os outros que estão lutando com obstáculos, falta de confiança e dúvidas. É hora de apoiá-los e incentivá-los. Esta é a melhor maneira de mostrar gratidão.

Oportunidades de crescimento e desenvolvimento estão à nossa volta. É nosso dever ser o melhor que pudermos ser e fazer muito bem nesta vida mortal que nos foi dada. No processo devemos constantemente buscar meios de mostrar a nossa gratidão, ajudando os outros com seus sonhos. Mas atingir uma meta não é suficiente. Oportunidades de ajudar e ser bom estão em todo lugar, só temos que manter nossos olhos abertos e não deixar que os obstáculos em nosso caminho nos impeçam de fazer o bem que podemos fazer.

Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger do original Turning Lemons into lemonade, de Rebecca Rickman.

Toma un momento para compartir …

Becky Rickman

Becky Lyn is an author and a 35+ year (most of the time) single mom.