Pesquisa mostra que mulheres trabalham muito mais que homens. Você concorda?

Segundo levantamento feito e divulgado pelo IBGE, as mulheres trabalham trinta horas a mais por mês do que os homens.


Renata Finholdt

Uma pesquisa divulgada recentemente pelo IBGE mostrou algo que nós mulheres já imaginávamos há tempos. Segundo a pesquisa, estudos feitos entre os anos de mil novecentos e noventa e cinco até o ano de dois mil e quinze, mostraram que as mulheres trabalham até sete horas e meia por semana a mais que os homens.

Este número se torna ainda mais impressionante quando observado que o trabalho exercido dentro de casa não faz parte dele. Os afazeres domésticos também foram motivo de pesquisa e foi observado que a maior parte dele é realizado por mulheres, noventa por cento delas contra cinquenta por cento dos homens.

Apesar disso, a contratação de mulheres no mercado de trabalho ainda é menor que a de homens, confirmou a pesquisa.

Algumas características femininas fazem com que a afirmação medida pela pesquisa seja real.

As mulheres são muito dedicadas

É uma característica feminina. Quando as mulheres se dedicam a algo, normalmente, o fazem com todo coração. E isso não seria diferente no mercado de trabalho. Quando elas precisam trabalhar fora para prover o sustento de sua família ou contribuir para as despesas de casa fazem isso da melhor forma que poderia ser feito.

As mulheres trabalham muito bem em equipe

Outra pesquisa, desta vez Britânica, mostra que as empresas contratam mais mulheres em épocas de crise, isso porque é atribuído a elas o fato de que trabalham muito bem em equipe, além de atuarem fazendo várias coisas ao mesmo tempo, lidando com o fator crise da melhor forma.

Além disso, as mulheres são justas, boas comunicadoras e lidam muito bem com a pressão que o mundo corporativo obriga. Empresas que contratam mulheres na mesma proporção que homens colaboram para criar um ambiente de trabalho mais equilibrado e criativo.

Advertisement

Mulheres que trabalham fora ainda tem, no fim do dia, que dar conta de todas as obrigações familiares. São boas mães, cuidam, interagem e educam seus filhos buscando qualidade ao invés de quantidade. São boas esposas, ainda conseguem tempo para dedicar carinho e atenção ao marido. Cuidam de seu lar, de seus familiares, administram as finanças da família e são capazes de dedicar tempo para servir ao próximo.

Apesar de o dia ter apenas as vinte quatro horas habituais a todos, as mulheres, com seu jeitinho especial, conseguem realizar muitas tarefas e torná-lo ainda mais produtivo.

Toma un momento para compartir …

Renata Finholdt

Renata Finholdt é formada na área de Recursos Humanos com enfâse em treinamentos.