Estas são as 3 maneiras que a ansiedade está destruindo a sua saúde

Entenda como este sentimento pode trazer malefícios à sua saúde, e esteja no controle da situação.


Fernanda Britto Teixeira de Borba

Primeiro dia de trabalho no novo emprego, primeiro dia de aula em uma nova escola, o encontro com a pessoa amada se aproximando, viagens longas, nascimento de um filho, a espera do resultado de um exame importante, semana de provas da faculdade… Todas estas situações são diferentes uma da outra, certo? Mas elas têm algo em comum: todas despertam ansiedade.

O site Coração Alerta relembra que segundo um levantamento da OMS (Organização Mundial da Saúde), o Brasil ocupa o 4° lugar no ranking de países com mais pessoas ansiosas, e cerca de 23% dos brasileiros já tiveram problemas de ansiedade.

A ansiedade é um sentimento que, embora nos estimule a agir, ela pode provocar dores de cabeça, de estômago, nervosismo, diarreia, hábito de roer as unhas, e pode fazer com que não sejamos eficientes. Além disso, a ansiedade pode trazer coisas muito ruins para a saúde, e você nem imagina. Veja:

1. Ganho de peso

Quanto mais ansioso você estiver, mais seu organismo liberará um hormônio chamado cortisol, que serve para controlar o estresse. O problema é que o cortisol também estimula o acúmulo de gordura abdominal. O Tua Saúde explica que níveis altos deste hormônio provocam a perda de massa muscular, e maior armazenamento de gordura, resultando assim em um aumento de peso. Além disso, com o nível de cortisol alto, lapsos de memória podem ocorrer e as chances de osteoporose se tornam maiores.

2. Problemas cardíacos

É fácil perceber que a ansiedade afeta o coração, os batimentos cardíacos rapidamente são alterados por causa deste sentimento. Além disso, cada vez mais médicos cardiologistas relatam receber pacientes sofrendo de ansiedade que também manifestam problemas do coração.

Segundo a Clínica Vazmed, “o nervosismo prejudica seriamente nosso coração devido às altas cargas de adrenalina que o mesmo recebe quando ficamos nervosos e ansiosos. E se a pessoa sofre de pressão alta, ou é diabético, aumenta mais o risco de a ansiedade afetar seu coração.”

3. Insônia

Ansiar algum acontecimento pode incapacitar a pessoa de fazer muitas coisas. É como se a ansiedade pudesse agir como um freio, não deixando a pessoa realizar suas tarefas rotineiras com tranquilidade, concentrar-se nos estudos e no trabalho, e impedindo ela de dormir como deveria.

Advertisement

A insônia por causa de ansiedade é sempre um sofrimento, pois além de não conseguir dormir, a pessoa passa por longos momentos de aflição. Uma noite maldormida torna pior a situação no dia seguinte, até que, em casos mais graves, este sofrimento se torna diário.

Diante de tudo isso, pode-se perceber o quão mal a ansiedade faz ao nosso corpo e à nossa alma. Se você vem sofrendo disto, busque controlar seus sentimentos. Respire fundo, dê uma pausa, não se ocupe tanto, busque sentir-se tranquilo em relação às tarefas a serem feitas e compromissos a serem cumpridos. Não se cobre tanto. Você pode ter o controle e então alcançar todos os seus objetivos. E a ansiedade? Ah! Ela será só um friozinho na barriga.

Toma un momento para compartir …

Fernanda Britto Teixeira de Borba

Fernanda de Borba é estudante de Administração de Empresas, recém-casada, apaixonada por observar, calcular e escrever.