Encontrando o que há de incrível no seu casamento

Enquanto as exigências da vida familiar podem nos deixar pra baixo, você pode ter momentos no casamento que podem fazer toda a diferença. Veja como.


Lori Cluff Schade

Este artigo foi publicado originalmente no blog de Lori Cluff Schade. Foi republicado aqui com permissão, traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger.

Como mãe de sete filhos, uma palavra que eu admito estar careca de ouvir ao longo dos anos é “incrível”. Eu não tenho nada contra essa palavra em particular – é até mesmo meio energizante – só que ela traz tanta promessa e, em seguida, cai por terra quando é usada para descrever algo que é realmente apenas satisfatório. Então, ela deixa aquela sensação de mau gosto, como decorações de Natal penduradas ainda em fevereiro.

No entanto, tenho que admitir que sou uma grande fã de Neil Pasricha, autor de “O Livro do Incrível”, e outros títulos relacionados. Ele é danado de otimista – mas de uma forma que soa autêntico. Ele destaca os momentos na vida que, quando justapostos com o mundano, se tornam absolutamente excepcionais – coisas como estourar plástico bolha, um “bate aqui” com bebês, dormir em lençóis novos, etc. É uma excelente estratégia, e algo que eu acho que poderia ser efetivamente aplicado ao casamento.

Cada casal tem seus próprios momentos de “incrível”, que podem ficar ofuscados pelo turbilhão da vida familiar. Assim de cabeça eu já posso pensar em vários em meu próprio casamento:

  • Quando olhei pela janela e vi que meu marido havia moldado um coração enorme na grama com as nossas iniciais dentro; e da mesma forma escreveu-as na neve.

  • Quando pedi ao meu marido para imprimir alguma coisa para mim, e percebi que ele criou uma marca d’água onde se lê “SS + LS” (nossas iniciais!!)em toda a página.

  • Ouvindo a canção “Everything”, de Michael Bublé e lembrando a ansiedade de meu marido na primeira vez que ele tocou-a para mim, porque ele disse que a canção o fazia lembrar-se de mim.

    Advertisement
  • Ver o meu marido entrar no mercado e presentear-me com a mais rara e carnuda melancia amarela, porque ele sabe que eu sou uma viciada em frutas e legumes e pensou que eu iria gostar.

  • Estar em um corredor lotado sozinha em uma loja na época do Natal, fazendo as compras (que eu odeio), sentindo-me sobrecarregada, e ver meu marido aparecer no final do corredor, o que fez meu coração pular.

  • Ouvir um telefone tocar, e saber que é do meu marido, porque ele colocou como seu ringtone a música que o faz lembrar-se de mim.

  • Receber um sms do meu marido durante o dia, com uma sigla que só nós entendemos.

  • Competir com meu marido todos os dias para ver quem vai enviar mensagem para o outro primeiro em um momento especial que só tem significado para nós.

  • Ver o meu marido voltar para casa e me cumprimentar com um “Oi, linda!”

  • Estar no carro com meu marido e ouvir “nossa música” no rádio.

  • Ao ouvir um dos meus muitos podcasts subscritos, penso que meu marido gostaria de um em particular, fico animada em compartilhar com ele, e depois o vejo interessado quando o faço.

  • Observar o rosto do meu marido logo após o nosso filho marcar o primeiro gol no jogo de futebol ou uma cesta de três pontos decisiva no jogo de basquete.

  • Planejar nossa próxima aventura em casal.

    Advertisement

Às vezes, se concentrar no que está indo bem em um casamento pode mudar as pessoas para diferentes padrões de comportamento. Tire um tempo para pensar sobre isso. Faça uma lista. O que tem de incrível no seu casamento?

Toma un momento para compartir …

Lori Cluff Schade

Lori Cluff Shade, Ph.D,. é Terapeuta licenciada de Casais e Família, comprometida a providenciar informações para melhorar a qualidade das relações maritais e familiares, esposa e mãe de 7 filhos.