Blogueira ficou um ano sem se depilar e suas fotos provocam o maior burburinho entre os internautas

"Por que eu removerei algo que a mãe natureza colocou em nossos corpos e, obviamente, destinou-nos a ter?"


Erika Strassburger

Desde que nos conhecemos por gente, nós, mulheres, aprendemos que a depilação deve fazer parte da rotina de higiene da mulher, assim como tomar banho e escovar os dentes. Mas será que é algo desejável e que faz parte, naturalmente, do universo feminino? Ou é algo que nos foi imposto pela sociedade?

A linda blogueira fitness norte-americana, Morgan Mikenas, não se importa com o que a sociedade pensa. Ela abandonou a lâmina no início de 2016 e exibe, orgulhosamente, os pelos em suas pernas e axilas em sua conta no Instagram.

Quem acha que ela está protestando contra alguma coisa, está enganado. Ela disse: “A minha motivação número um foi o fato de que isso me tomava muito tempo. Perdia tanto tempo no banho para raspar tudo!”. Ela também ficava incomodada por os pelos ficarem espetados e provocando coceira quando começavam a crescer após cada depilação. Essa foi a segunda razão para abandonar a lâmina de vez.

Ela disse que antes se sentiria obrigada a raspar as pernas para se sentir bem e sexy. No ano passado, ela simplesmente parou de se depilar e pensou: “Ei, isso está ficando bom, está ficando supermacio!”. E, então, apenas não se depilou mais. Agora, ela se sente muito confortável e sexy ao natural. “Meu namorado gosta e acha que sou linda de qualquer maneira”.

New Year's Eve adventure ✔️??

A post shared by Morgan Mikenas (@i_am_morgie) on

Recentemente, ela fez um vídeo explicando o porquê de ela ter parado de se depilar e incentivou as pessoas a, assim como ela, abraçarem sua beleza natural. Ela disse: “Quero que todos não se sintam envergonhados de si mesmos… Por que eu removerei algo que a mãe natureza colocou em nossos corpos e, obviamente, destinou-nos a ter?”.

Ela chama atenção para uma experiência que teve: “Um dia, levei as crianças da creche onde trabalho para nadar e, assim que elas me viram de maiô, ficaram incrivelmente alarmadas e gritaram: ‘Nossa, você parece um homem!'”. Ela ficou preocupada sobre como as gerações atuais estão sendo ensinadas.

A reação das pessoas na Internet foi bem variada. Muitas apoiaram sua coragem de fazer o que quer, sem se importar com a opinião alheia. Outras tantas se referiram aos seus pelos usando adjetivos como “nojento”, “sujo”, “masculino”, “bizarro” ou “feio”.

Ao expor suas pernas e axilas peludas para o mundo ver, ela disse não ter a pretensão de incentivar todas as mulheres a abandonar depilação, mas de inspirá-las a fazerem o que funcionar melhor para cada uma, de forma que se sintam bem e confortáveis, sem precisarem aderir a um ritual que elas não gostam, apenas para parecerem mais bonitas para os outros. “Se você estiver focada em ser verdadeira consigo mesma em cada momento, você estará menos preocupada com o que os outros pensam, o que levará à paz de espírito”, disse Morgan.

E você, o que acha disso?

Advertisement
Toma un momento para compartir …

Erika Strassburger

Erika Strassburger mora no Rio Grande do Sul, tem bacharelado em Administração de Empresas, escreve e traduz artigos para o site Família, é cristã SUD, pintora amadora de telas a óleo e mãe de três lindos guris, o mais velho com Síndrome de Down.