Aos 71 anos, em meio à quimioterapia, ela fez uma peruca de tricô para o Halloween

Esta senhora decidiu continuar vivendo com muito bom humor mesmo enquanto recebe quimioterapia para o tratamento de câncer de ovário.


C. A. Ayres

Rosemary Porter Capitolo é uma avó de 71 anos de idade que mora em San Jose, na Califórnia.

Em 2013, ela foi diagnosticada com câncer de ovário, mas não deixou que isso a desanimasse.

Ela recebe quimioterapia pelos últimos dois anos devido ao câncer.

Outubro estava chegando, e ela, após fazer sua fantasia de Halloween, e como fã do time de football americano San Francisco Giants que é, decidiu tricotar para si mesma uma peruca cor de laranja, já que seus cabelos haviam caído devido à quimioterapia.

A quimioterapia ataca as células cancerosas, mas também ataca outras células do corpo.

Rosemary declarou: “Eu adoro tricotar e o tenho feito por mais de 60 anos. Eu vi um molde num website e achei que era a melhor ideia!”

Sua neta, Megan Shone, postou suas fotos em seu Twitter, e isso foi suficiente para se tornarem virais, tanto as fotos, como o bom humor de Rosemary.

Advertisement

Ao compartilhar a foto da avó, que logo chamou a atenção de redes de TV de todo o mundo, em entrevista Megan disse: “Acredito que as pessoas tenham entendido a mensagem de minha avó: Que você pode continuar vivendo mesmo com o câncer. Você faz o que os médicos pedem, e aí acorda a cada dia, ama sua família e continua vivendo.”

E completou: “É como fazer tricô: Não precisa ser perfeito para ser bonito.”

_Fonte das imagens: Megan Shone

Toma un momento para compartir …

C. A. Ayres

C. A. Ayres é mãe, esposa, escritora e fotógrafa, pós-graduada em Jornalismo, Psicologia/Psicanálise. Visite seu website.