6 sugestões para encontrar coragem de tentar coisas novas na vida

O diferencial da pessoa que supera desafios e vence batalhas está em como ela lida com as mudanças.


Beth Proenca Bonilha

É natural do homem procurar por uma zona de conforto com a intenção de se estabilizar por pensar que a estabilidade é o que traz segurança. Mas, principalmente nos dia de hoje, a única certeza de que se pode ter é que algo sempre irá mudar.

O escritor Spencer Johnson, em seu livro “Quem mexeu no meu queijo”, conta a parábola de dois ratinhos Sniff e Scurry e dois duendes Hem e Haw. Os quatro personagens tinham uma zona de conforto, em que todos os dias encontravam o queijo que os alimentava. Porém, certa manhã, descobrem que alguém mexeu no queijo, e ele sumiu. Começa, então, a experiência que nos leva a aprender sobre a importância da mudança na vida, de tentar coisas novas e arriscar novos caminhos.

Passos para a mudança

1. Iniciativa –

Toda mudança requer uma ação. Portanto, ter iniciativa é o primeiro passo para encontrar a coragem e encarar coisas novas na vida. Iniciativa baseada em planejamento: sair se jogando em todas as aventuras que surgirem não quer dizer que esteja sendo uma pessoa de iniciativa.

2. Planejamento –

planejar é muito mais do que sonhar ou imaginar o que se quer ou aonde se quer chegar, é preciso ter: um objetivo específico, estratégia e recursos.

3. Persistência –

ser persistente não é a mesma coisa que ser teimoso, pois esse tem a tendência de não mudar de opinião, já o persistente mudará se for necessário, mudará suas estratégias e estará aberto às propostas de mudança para conseguir seu objetivo.

4. Determine onde está –

identifique onde gostaria de estar realmente. Ao concluir seu objetivo, avalie seu planejamento e trace as estratégias para direcionar os caminhos da mudança.

5. Confie em si mesmo –

confiança é primordial para encarar mudanças. Quando uma oportunidade de mudança se apresentar, esteja preparado e confiante de que está disposto a enfrentar os desafios e a se comprometer com as exigências que se apresentarem.

Advertisement

6. Não imagine que terá domínio total –

não espere ter controle total de tudo. Mudanças são novidades e muitas vezes incógnitas, por isso o comportamento que terá diante delas definirá boa parte para que a mudança seja bem aproveitada.

Refletindo sobre o que foi visto nos passos para mudança, conclui-se que é preciso estar pronto para seguir um tipo de roteiro e para deixar o medo de tentar coisas novas na vida.

Comece a ser o tipo de pessoa que tem iniciativa para direcionar sua vida a partir do planejamento que fará. Então, deve persistir e estar pronto a aceitar os desafios que virão, se identificar que sua meta não se encontra no caminho em que está no momento. A partir daí, confie em seu potencial, porém consciente de que, na maioria das vezes, não terá domínio de tudo a seu redor e que, em determinados momentos, terá que reavaliar as estratégias.

Ainda refletindo sobre a parábola de Spencer Johnson, pode-se dizer que a vida não é um caminho livre de desafios, mas é cheio de obstáculos e adversidades que exigem tomadas de decisões a cada momento. O diferencial da pessoa que supera desafios e vence batalhas está em como ela lida com as mudanças.

“Na regra de aprender as lições importantes na vida, devemos todo dia superar nossos medos”(Pensamento de Ralph Waldo Emerson, famoso escritor e filósofo norte americano).

Toma un momento para compartir …

Beth Proenca Bonilha

Graduada em Administração de Empresas com MBA em Empreendedorismo. Casada mãe de 6 filhos, avó de 2 netos. Atua profissionalmente como Analista Instrutora da Educação Empreendedora no SEBRAE - SP. Como hobby gosta de artesanato, música e leitu