5 maneiras de se envolver com a escola de seu filho

As crianças obtêm mais sucesso educacional com uma participação ativa dos pais nas suas atividades escolares. Confira cinco formas simples e eficientes de tornar mais efetivo o envolvimento dos pais na escola do filho.


Marcia Denardi

Muitos pais pensam que apenas levar o filho na escola e buscá-lo ao término das aulas é o suficiente para um aprendizado bem sucedido. Mas a verdade é que uma das grandes estratégias para o crescimento escolar de uma criança é a participação ativa e constante dos pais na vida escolar do filho. Primeiro, para que os pais fiquem por dentro de tudo o que acontece no espaço escolar. E segundo, porque o filho sentirá segurança ao perceber que os pais se preocupam com o processo de aprendizagem dentro e fora da sala de aula.

Esse artigo esclarece qual é a importância do vínculo entre aluno, escola e família. Para a autora, quanto maior for essa parceria, “mais significativos serão os resultados na formação do educando”. E essa participação está inclusive descrita como direito dos pais no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Mas você já parou para pensar de que forma pode melhorar esse envolvimento com a escola onde seu filho estuda? Veja abaixo algumas dicas:

1. Vá a reuniões escolares

: ótimas ocasiões para você saber como as professoras estão avaliando o desempenho escolar e social de seu filho. Além disso, é uma oportunidade para que os pais opinem e dêem seu parecer sobre o desempenho dos professores e outros funcionários.

2. Participe de atividades extras da escola

: festas, apresentações musicais e teatrais, piqueniques e passeios que estejam abertos à família também são formas eficientes de mostrar à criança que a educação dela é importante. Por isso, sempre que possível, os pais devem participar de atividades extra-escolares promovidas pela escola.

3. Faça amizade com os professores

: a amizade entre pais e mestres fortalece indiretamente o vínculo entre escola e família, e permite maior liberdade sobre discussões a respeito dos problemas das crianças, afinal, os professores são como segundos pais dos alunos. Como consequência, permite também sugestões, de ambas as partes, para soluções desses problemas.

4. Ajude seus filhos a fazer tarefas e estudar para provas

: o processo educacional obviamente não permanece no interior dos portões da escola, mas se estende para o lar de cada criança. Muito dificilmente os alunos que aproveitam somente o tempo em sala de aula para estudar terão sucesso no processo educacional. Mas aqueles que estudam em casa e realizam as atividades e tarefas propostas pelos professores de forma habitual e dedicada, sim. E esse crescimento pode ser ainda mais agradável e eficiente para a criança, se os pais a ajudarem diariamente incentivando o estudo e estimulando o raciocínio.

Advertisement

Importante

: os pais devem realizar esse papel de ‘ajudante’ com paciência e amor, e não como se esse tempo fosse perdido ou um fardo.

5. Perguntar diariamente ao filho como foi seu dia na escola

: essa prática permite uma maior interação entre pais e filho. Além de a criança sentir que os pais estão de fato se preocupando com sua educação, eles ainda poderão identificar possíveis problemas escolares do filho, inclusive bullying.

Toma un momento para compartir …

Marcia Denardi

Márcia Denardi é jornalista, musicista e uma mãe e esposa loucamente apaixonada pelos filhos e pelo marido. Tem como objetivo profissional usar a informação para fortalecer as famílias. Curta a fan page www.facebook.com/blogmarciadenardi.