10 dicas para pais separados com filhos

Se você está se divorciando e quer poupar seu filho de maiores sofrimentos, deve ler esse artigo, refletir e agir o quanto antes.


Suely Buriasco

Sem dúvida o divórcio é um triste fim para o casamento e provoca intensos sentimentos de frustração e tristeza, mas quando o casal tem filhos o foco deve se preservar, o máximo possível, no bem estar deles.

Leia: Os 5 estágios do divórcio

Baseada nas dificuldades que presencio no atendimento à casais divorciados com filhos, listei as dicas abaixo:

1- Jamais queira recrutar seu filho

Não exija, nem mesmo sugestione seu filho a tomar posição a seu favor, não o envolva em assuntos que não lhes dizem respeito.

2- Contenha a hostilidade

Presenciar a briga dos pais é um dos grandes motivos que levam os filhos a terem problemas psicológicos que se refletem em todas as áreas de suas vidas.

3- Construa um relacionamento saudável com o seu ex

Você não precisa ter amizade com o seu ex cônjuge, mas precisa manter o mínimo de harmonia no relacionamento com o pai ou mãe de seu filho, isso é primordial para o bem estar dele.

4- Não fale mal do ex na frente do filho

Melhor seria que você levantasse os pontos positivos do genitor ausente, isso faria mesmo muito bem para o seu filho. Mas se não consegue isso de forma natural, então o melhor é não apontar nada.

Advertisement

5- Não fale mal da família do seu ex

É normal que as crianças amem seus avós, tios, primos e vão se ressentir quando você mostrar desprezo e intolerância em relação à eles. Além de prejudicar muito seu filho com esse tipo de comportamento, alienação parental é crime.

Leia: O que é e como agir perante a Síndrome de Alienação Parental

6- Procure ajuda

Se você não está conseguindo se ver livre da raiva por seu ex e as emoções negativas estão consumindo seus dias, procure ajuda de um especialista antes de cair no engodo de envolver seus filhos nisso.

7- Procure manter os hábitos da criança

Estando com o pai ou a mãe a rotina da criança precisa ser preservada, cuidado para não querer compensar o sofrimento da separação com falta de limites e desleixo com as obrigações de seu filho. Isso só piora tudo.

8- Converse sobre o divórcio

É preciso ouvir a criança para entender os seus sentimentos e falar com clareza sobre o que estão vivendo para que ela se sinta segura. É comum que os filhos se sintam culpados pelo divórcio dos pais, por isso é importante esclarecer que a decisão de vocês nada tem a ver com eles.

9- Fale e aja de forma a transmitir segurança

Deixe claro ao seu filho que a separação não muda os sentimentos do pai e da mãe em relação a ele e que vocês estarão sempre perto dele. E, claro, aja de forma que ele confie em suas palavras.

10- Demonstre amor

Diga a seu filho o quanto o ama e quer vê-lo feliz e que, por isso, espera que ele continue a agir de forma a ter boas consequências na vida. Deixe claro que você deseja que ele continue com suas atividades habituais e que mantenha seus hábitos de vida.

Essas dicas são essenciais aos pais que se preocupam com o bem estar de seus filhos e que, por isso, buscam poupá-los de maior sofrimento. Afinal, a separação, por si só, já é muita dolorosa.

Leia também: Como reconstruir sua vida depois da separação

Toma un momento para compartir …

Suely Buriasco

Mediadora de Conflitos, educadora com MBA em Gestão Estratégica de Pessoas, apresentadora do programa Deixa Disso com dicas de relacionamentos. Dois livros publicados: “Uma fênix em Praga” e “Mediando Conflitos no Relacionamento a Dois”.